Resenha: Kimi ni Todoke (Anime)

Esta é a primeira resenha de anime daqui e também a minha primeira resenha aqui. Já faz um tempo que eu estava adiando fazer essa resenha, mas aqui estou eu. E para estrear escolhi falar hoje sobre um dos animes que mais me deixa com aquela sensação de nostalgia, justamente por ter sido uns dos primeiros animes de assisti: Kimi ni Todoke.



Kimi ni Todoke conta a história de Kuronuma Sawako, uma estudante do ensino médio que é chamada por todos de Sadako por conta do seu nome e aparência muito semelhantes com a da personagem do filme "O Chamado" e por isso todos na escola têm muito medo dela e consequentemente ela acaba sendo isolada.

Kimi ni Todoke é um shoujo que possui seu foco principal voltado para a amizade. Apesar de todos - ou pelo menos quase todos - terem medo dela, Sawako consegue desenvolver amizades verdadeiras e acaba por cativar muitos outros personagens. O anime tem uma mensagem e uma história bonita: não julgar alguém pela aparência



A protagonista, Kuronuma Sawako, apesar de todos sentirem medo dela por causa de sua aparência e também por pensarem que ela é a Sadako, é sempre muito positiva e tenta ajudar a todos que pode. As vezes é ingênua demais e muitas vezes não consegue perceber o que está acontecendo em sua volta.

Kazehaya Shouta é, se eu não me engado, o único da escola que não tinha medo dela e que dá algum tipo de atenção para Sawako. É também o típico personagem popular que todos na escola amam. Por ter começado a falar com a Sawako, a vida dela começa a mudar pouco a pouco.

Yano Ayane e Yoshida Chizuru são as primeiras a se tornarem amigas da Sawako. As duas já eram amigas, mas possuem personalidades distintas em bem definidas. A Ayane sempre usa muita maquiagem, tem vários piercings na orelha e namora um cara mais velho. Já a Chizu é aquela menina moleque apaixonada pelo irmão mais velho do melhor amigo. Eu, particularmente, gosto mais da Chizu.


Além desses, outros personagens que me cativaram e merecem destaque são Sanada Ryu e o professor de classe deles Arai Kazuichi (a.k.a. Pin). O Ryu é o melhor amigo do Kazehaya, ele é sempre bastante quieto e nunca lembra o nome de ninguém, e eu também amo o relacionamento dele com o Maru, o cãozinho que o Kazehaya adota. Bem, e o Pin é provavelmente o melhor personagem de todos! Apesar de ser um professor ele é preguiçoso, chantageia o Kazehaya e também pensa que as alunas estão apaixonadas por ele. Não tem como não rir com ele!


O anime possui uma segunda temporada e também um live action estrelado pela Tabe Mikako e pelo Miura Haruma.

Não é o melhor anime do mundo mas é um anime que eu gosto muito. Foi uns do primeiros animes que assisti e que me fez gostar de anime e da cultura japonesa em si. Até hoje me sinto nostálgica quando ouço a música de abertura ou de encerramento do anime.

Se ainda não assistiu eu recomendo bastante e se já assistiu comente e compartilhe sua opinião. Espero que tenham gostado da resenha - não sou muito boa para essas coisas. E é isso aí, até o próximo post. Bye bye!

 photo vy_zps61e8954f.png

Nenhum comentário:

Postar um comentário